Corticotomia na Ortodontia

Autor: Prof. Dr. Anderson Mamede
Especialista, mestre e doutor em Ortodontia
Coordenador e professor do curso de especialização da Faculdade Modal
(Belo Horizonte, Uberlândia e Salvador)

Fonte: Alghandi, 2010.
 

Palavras-chave: Ortodontia; Tratamento; Corticotomia.

Uma das principais desvantagens do tratamento ortodôntico convencional é o tempo. Muitos pacientes adultos prejudicam a sua saúde bucal mantendo uma mal oclusão por anos sem tratá-la, devido ao longo período que deverão permanecer com o aparelho fixo instalado. Este tempo maior é devido, principalmente, à ausência de crescimento, perda de osso alveolar e a presença de recessões gengivais.

A aceleração do movimento ortodôntico é um tema que tem sido muito debatido neste século, onde as pessoas buscam resultados cada vez mais rápidos para todos os tipos de problemas. Dentre as formas de alcançar uma oclusão fisiológica satisfatória, tanto no campo estético como funcional, em um menor tempo, a corticotomia surgiu como uma opção viável e uma das mais efetivas na ortodontia.

Este procedimento foi descrito pela primeira vez na literatura com a finalidade de alcançar um movimento dentário rápido, em 1959 por Henrich Kole. Segundo a literatura o tratamento ortodôntico com a utilização da corticotomia reduz em um terço o tempo em relação à ortodontia convencional.

A corticotomia é um procedimento que consiste na realização de retalhos tanto vestibular quanto lingual para a exposição do osso alveolar. Em seguida realiza-se um corte mesial/distal e apical ao redor de cada dente, através do osso cortical, penetrando minimamente no osso medular. Esse corte pode ser realizado com brocas cirúrgicas ou por piezoincisão.

A movimentação dentária deve ser iniciada duas semanas após o procedimento de corticotomia. Esta cirurgia estimula os nociceptores que em resposta, geram um processo de reparação local duas a dez vezes mais rápido do que a cura fisiológica normal.

Atualmente a literatura tem preconizado a realização da corticotomia associada ao aumento ósseo vestibular, realizado através da colocação de enxertos com matriz mineral bovina, que promove uma maior estabilidade pós ortodontia. Além disso, pode corrigir eventuais discências e fenestrações que podem ter ocorrido em tratamentos anteriores.

As principais vantagens da corticotomia são: menor tempo de tratamento, menor reabsorção radicular, menor desmineralização de substância dentária e menor índice de recidiva. As principais desvantagens são: Custo extra do procedimento, muitos pacientes são resistente à cirurgia, risco de perda de crista óssea e recessão gengival, alguma dor e inchaço pós cirúrgico, bem como o risco de infecção.

O procedimento de corticotomia associado ao enxerto ósseo tem ampliado os resultados em casos mais complexos em pacientes adultos e promete ser uma técnica cada vez mais utilizada na ortodontia contemporânea.

Referências

  1. ) AHN, Hyo-Won et al. Morphologic evaluation of dentoalveolar structures of mandibular anterior teeth during augmented corticotomy-assisted decompensation. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, v. 150, n. 4, p. 659-669, 2016.
  2. ) ALGHAMDI, Ali Saad Thafeed. Corticotomy facilitated orthodontics: Review of a technique. The Saudi dental journal, v. 22, n. 1, p. 1-5, 2010.
  3. ) BARE-WELCHEL, Britney et al. Effects of bone grafting, performed with corticotomies and buccal tooth movements, on dehiscence formation in dogs. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, v. 151, n. 6, p. 1034-1047, 2017.
  4. ) RODRIGUES, Messias; DA SILVA, Robert Carvalho; DE ANDRADE, Oswaldo Scopin. Cirurgia de corticotomia prévia ao tratamento ortodôntico. Revista Clínica de Ortodontia Dental Press, v. 17, n. 2, 2018.
  5. ) VERNA, Carlalberta; CATTANEO, Paolo Maria; DALSTRA, Michel. Corticotomy affects both the modus and magnitude of orthodontic tooth movement. European journal of orthodontics, 2017.

Deixe uma resposta

Fechar Menu

Uberlândia

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO  10

Março/2018 Conteúdo
08 Bioprogressiva. Trazer alicates e fios 0.16×0.16 CrCo – Saulo
09 Clínica – Saulo/Rodolfo
10 Bioprogressiva. Trazer alicates e fios 0.16×0.16 CrCo – Saulo

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO  11

Março/2018 Conteúdo
05 Retração Dupla Chave teórico + Prova Arco Reto – Saulo
06 Clínica – Saulo/Rodolfo
07 Bioprogressiva – Saulo

Belo Horizonte

Aperfeiçoamento Ortodontia-16

Junho/2018 Conteúdo
09 Alinhamento e Nivelamento – Mamede

Especialização Ortodontia-12L

Junho/2018 Conteúdo
14 Prova casos clínicos
15 Clínica – Saulo/Mamede
16 Mamede

Especialização Ortodontia-13M

Junho/2018 Conteúdo
04 Mamede
05 Clínica – Moacir/Mamede
06 Mamede

Especialização Ortodontia-14N

Junho/2018 Conteúdo
06 Mamede
07 Clínica – Mamede/Moacir
08 Mamede

Especialização Ortodontia-15O

Junho/2018 Conteúdo
11 Mamede – Anamnese dos pacientes novos
12 Seminário – Saulo
13 Final Typodont – Saulo

Selecione uma plataforma para entrar.

ou